Resenha: A Cabana


“Esta história deve ser lida como se fosse uma oração, a melhor forma de oração, cheia de ternura, amor, transparência e surpresas. Se você tiver que escolher apenas um livro de ficção para ler este ano, leia A cabana.” – Michael W. Smith



Eu estava ouvindo as pessoas comentarem muito sobre este livro e estava ansiosa para lê-lo. Agora que terminei posso dizer que o livro é um encanto, é maravilhoso, uma leitura fácil, aconchegante e, acima de tudo, o sentimento transpassado nas palavras deste livro nos dá uma lição de vida.

Em A Cabana somos apresentados a Mack, um homem que enfrentou a Grande Tristeza e que conheceu Deus, Jesus e o Espírito Santo que o ajudou a entender os sentimentos humanos, o perdão, a dor, o amor de Deus por nós, a perseverança e outros sentimentos da nossa vida e do nosso dia a dia que muitas pessoas ainda hoje não conseguem entender.

A parte do livro que eu mais gostei está nos últimos capítulos onde nos é falado sobre o perdão e como perdoar.

E o fascínio maior deste livro é o fato de Deus nos ser apresentado numa personificação irreverente.

Eu gostei de verdade. A mensagem do livro é muito bonita, e o mais legal é que o livro não se dirige a nenhuma religião específica - católica, evangélica, etc. Basta acreditar em Deus, ou então ter a necessidade de compreender porque Ele deixa acontecer certas coisas em nossa vida.

Vale a pena ler. De verdade.

C.

1 Response to "Resenha: A Cabana"

  1. Olá!
    Você gosta de ler?
    Então acho que você vai gostar do meu blog de livros:

    Amor, Mistério e Sangue

    Ele é especializado em Suspenses Românticos, mas de vez em quando eu falo sobre outros gêneros de livros também.
    Quando puder, me faça uma visitinha e se quiser me seguir, eu vou adorar!

Postar um comentário

Powered by Blogger